Os anos 60 foi marcado pela “Era Espacial” com o homem pisando pela primeira vez na Lua, e isso criou toda uma onda futurista que inspirou  a moda, artes, arquitetura, design e o cinema da época. Na moda, estilistas como Paco Rabanne, André Courrèges e Pierre Cardin criaram roupas com design vanguardista e minimalista que segundo eles seriam apropriadas em estações espaciais e cidades na Lua, feitas de materiais alternativos e tecidos sintéticos.

Entre 2014 e 2016, cinco astronautas da Agência Espacial Europeia (ESA) vindos da França, Inglaterra, Itália, Dinamarca e Alemanha já estiveram a bordo da Estação Espacial Internacional. Para celebrar estas missões, as escolas de moda europeias dos respectivos países dos astronautas deverão criar roupas que podem ser luxuosas e extravagantes ou simples e básicas mas incorporadas com as mais recentes inovações de alta tecnologia.

Lançada pela ESA em pareceria com o Museu da Ciência de Londres, o concurso “Couture en orbite” é uma oportunidade incomum para os estudantes de moda. Foram convidados a participar quatro escolas entre elas a ESMOD de Paris e Berlim, a Fashion Design Akademiet da Dinamarca e a Escola Politécnica de Milão.

Agência Espacial Europeia cria concurso para a vanguarda da moda espacial stylo urbano-1
Croquis do tema “Couture en orbite” – Esmod

O objetivo do concurso é capacitar os estudantes a trabalharem com tecidos tecnológicos certificados pela ESA para o setor espacial em seus projetos, que tem o apoio de Bionic YarnSympatex e outras empresas. Cada escola foi premiada com um tema para sua coleção tais como tecnologia, meio ambiente, inovação, saúde e nutrição, na qual os estudantes devem considerar as aplicações práticas das roupas que os astronautas vão utilizar diariamente para suas tarefas.

A competição é uma celebração da exploração do espaço como fonte de inspiração. Todas as propostas dos estudantes serão apresentadas até 12 de abril para as equipes da ESA para se escolher o melhor. Os juízes irão selecionar 15 itens de cada escola para que elas sejam feitas para um desfile de moda no Museu da Ciência de Londres, no mês de maio, durante a  noite de apresentação do “Couture en Orbite.”

Pelo visto a Era Espacial dos anos 60 vai voltar com força nas próximas tendências.  Para saber o que os estudantes andam aprontando siga a página da competição no Tumblr.

Agência Espacial Europeia cria concurso para a vanguarda da moda espacial stylo urbano-2

DEIXE UMA RESPOSTA