A empresa Knyttan colaborou com o designer britânico de moda masculina Christopher Raeburn em uma coleção cápsula customizável para diminuir o fosso entre o consumidor e a marca através de uma co-criação. Knyttan vai desenvolver uma peça online com design exclusivo da recente coleção primavera/verão 2016 de Christopher Raeburn que foi lançada em Londres, na qual os clientes serão capazes de modificar a estampa que será tricotada de acordo com suas preferências. As especificações tais como cor e layout do desenho da estampa podem ser alterados, mas a estética da roupa não pode ser trocada para manter a integridade e visão criativa do estilista.

O projeto alimenta a crescente tendência para a co-criação, onde as marcas de moda oferecem peças de suas coleções para que os consumidores possam experimentar com elas, produzindo sua própria visão sobre o produto da marca. “Tricô é uma das categorias mais vendidas nas nossas coleções e o vemos como a chave para o futuro do negócio“, disse o estilista. “Esperamos que esta seja uma colaboração que possa crescer e se desenvolver, o que nos permite entrar no mundo da customização em massa e oferecer aos nossos clientes algo verdadeiramente original.”

A Knyttan é uma startup de moda que tem como proposta criar mini fábricas portáteis para “massificar a personalização de roupas”, onde o custo de produção de uma peça de vestuário exclusiva é o mesmo que a produção de 10.000 peças. A marca anunciou hoje ganhos de US$ 3,1 milhões através de financiamentos de investidores e colaborações com marcas de varejo de moda. A Knyttan é uma mistura de fábrica e loja em Londres onde os clientes podem escolher suas peças de roupa online e customizá-la para depois ir na loja pegar seu produto acabado. Todos os produtos são feitos de malha de lã Merino italiana que tem um acabamento super macio realmente durável.

Gostou da ideia da coleção cápsula customizável? Comente.

DEIXE UMA RESPOSTA