A tecnologia vestível aplica á moda está criando um novo tipo de relação com nossas roupas que não é baseada somente na boa aparência mas também nas novas funções que as roupas terão. A marca inglesa de moda tecnológica CuteCircuit está provando isso com  uma inovadora camisa que pode ajudar as pessoas surdas a sentirem a música que elas não podem ouvir.

A Sound Shirt é a evolução de um conceito criado pela CuteCircuit chamado Hug Shirt, dos quais a empresa produziu cerca de 100 protótipos ao longo da última década. A orquestra alemã Jungen Symphoniker de Hamburgo, comprou algumas peças para comprovar sua eficácia. A Sound Shirt está ligada a um sistema de computador que capta o áudio de microfones colocados em vários pontos em torno da orquestra. A roupa é preenchida com vários atuadores, que são pequenos motores que vibram em relação à intensidade da música a ser tocada, em tempo real.

“Mapeamos intuitivamente como pensamos que a música seria sentida pelo corpo”, disse o CEO Ryan Genz da CuteCircuit.

“As notas mais graves e mais profundas ativam os atuadores nas partes inferiores do tronco, e as notas mais leves, como por exemplo o violino ficam acima no corpo, em torno da área do pescoço e clavícula. Quando os usuários estão assistindo a orquestra, eles podem ver que certas áreas estão mais ativas do que outras e eles sentem as ondas sonoras em áreas específicas do corpo, e dentro de alguns minutos entendem que existe uma correlação.”  Essa é só uma das maravilhas que as roupas inteligentes poderão fazer, inclusive para a inclusão social.

A Hug Shirt também pode se conectar ao smartphone para que as pessoas possam remotamente se “abraçar” um ao outro, com sensores e atuadores lendo e recriando a força de toque, o calor da pele e os batimentos cardíacos. Puxa isso é muito louco! No entanto, a CuteCircuit acredita que a Hug Shirt poderia ser usada não apenas para o envio de abraços, mas como um produto de telecomunicações.

Além da camisa de som, a empresa também vê possíveis usos para a tecnologia em jogos que tem várias patentes pendentes e concedidas. Os protótipos anteriores foram em sua maioria, adquiridos por laboratórios de pesquisa e empresas de telecomunicações, e agora outras orquestras pelo mundo estão fazendo fila seguindo os passos da Jungen Symphoniker e comprado algumas Sound Shirts. A fusão da alta tecnologia com as roupas está ganhando a cada dia novas funções e isso abrirá um novo nicho para a indústria da moda.

Cutecircuit cria camiseta com tecnologia vestível que ajuda surdos a sentirem a música stylo urbano

DEIXE UMA RESPOSTA