Os cinéfilos sabem muito bem a miríade de sensações que o cinema traz: tensão, medo, frustração, indignação, alívio, alegria, espanto e humor. No entanto, essas experiências muitas vezes se limitam apenas a tela do cinema. Não mais, pelo menos de acordo como premiado arquiteto e designer de interiores, Alexander Wong. Wong ficou conhecido pelo design futurista cinematográfico do seu “Cinema Futura” instalado num movimentado shopping vertical construído em Hong Kong. O Cinema Futura é o primeiro complexo de cinema 4DX da cidade.

Localizado no último andar do novo Palm Rainbow Garden Commercial Centre, o enorme espaço dedicado ao cinema foi inspirado nos clássicos da ficção científica como Alein, Tron e Avatar, sendo que o interior é apropriadamente decorado em tons ousados ​​e equipado com iluminação dinâmica.

Para entrar nas salas de cinema os usuários passarão pelo Pavilhão da Borboleta e pela Praça Pandora, onde formas orgânicas alienígenas no teto, paredes e colunas em espiral chamam a atenção. Enquanto isso, as luzes formam redemoinhos no teto, lançando desenhos semelhantes a folhas no chão.Você logo chega ao Box Office Pandora e o Pandora Bar, onde os ingressos e pipoca podem ser comprados. Passeie pelo Túnel Tron e seja hipnotizado pela iluminação a laser brilhando nas paredes, tetos e chão.

Enquanto a grande utilização de formas geométricas lembram um dos locais gerados por computador em Avatar, o arquiteto explica que eles também prestar homenagem à miríade de formas que a natureza assume. A natureza está repleta com as formas geométricas mais complexas imagináveis. Até a simples ida ao banheiro se torna uma experiência mais surreal possível. Ficção científica e futurismo refletem apenas uma pequena fração dessa complexidade. A inspiração de Wong foi a própria natureza. A natureza é a fonte de todas as formas de arte, afirma o designer.

Outro projeto futurista para cinemas foi feito pela empresa Multikino, uma das principais operadoras de multiplex polonesa, que criou a experiência de cinema do futuro, em colaboração com o designer polonês Robert Majkut. O esquema de cores do cinema repousa sobre as combinações de roxo, preto e vermelho escuro com detalhes em cromado para dar um ar sofisticado e moderno. O sala de estréia abriga 777 lugares e tem um lustre de 6 metros de tirar o fôlego em tecnologia LED. Néon rosa ilumina sinuosamente ao longo dos lados roxos do teatro, acrescentando o surrealismo do espaço. O esquema roxo continua no Bar Velvet, uma zona VIP com um longo bar e palco para apresentações de música. Isso faz lembrar de um lugar de encontro para supervilões com veludo roxo acolchoando as paredes e poltronas em couro negro luxuosas.

O salão principal, que dá acesso ao salão de estréia, os outros sete auditórios e as outras comodidades. Ele inclui uma sala de estar com poltronas de veludo vermelho para os clientes que aguardam o início de seu filme. O clube de música “35 milímetros” está no último andar do complexo de entretenimento, com uma cabine de DJ, um bar e um restaurante. Ele é todo branco e iluminado em comparação com o resto do edifício, com claraboias e cadeiras ovo. Esses cinemas com certeza vão deixar qualquer cinéfilo enlouquecido.

Gostou do design futurista desses cinemas? Comente.

DEIXE UMA RESPOSTA