Os carros elétricos estão crescendo cada vez mais como um meio de transporte limpo mas a maioria deles levam um tempo considerável para carregar e são limitados na distância que podem viajar com uma única carga. Para mudar isso, a fabricante de painéis solares chinesa Hanergy revelou seus planos de produzir quatro modelos de carros elétricos de carga zero movidos a energia solar, que estarão comercialmente disponíveis dentro dos próximos três anos.

Segundo a empresa, o recurso de carga zero irá garantir aos veículos não precisarem mais das estações de carregamento para viagens de curta e média distância.

Os quatro protótipos de carros elétricos da Hanergy terão painéis solares feitos de películas finas flexíveis em seu corpo, o que permitirá que os carros possam carregar em qualquer lugar sem a necessidade de uma estação de carregamento tradicional para veículos elétricos.

A Hanergy desenvolveu painéis solares de película fina flexível para carros que possuem atualmente uma taxa de conversão de 31,6%. Em 2020 deverá chegar até 38% e em 2025 chegará a 42%, o que tornaria um carro movido a energia solar totalmente possível, de acordo com a empresa. Isso é um adeus ao petróleo. A situação da bateria e seu carregamento é acompanhado através de um aplicativo no smartphone ou tablet.

Empresa chinesa Hanergy criou carros elétricos autossuficientes movidos a energia solar  stylo urbano

Os carros cobertos com painéis solares podem gerar até 10 kWh de eletricidade com cinco a seis horas de luz solar. A eletricidade gerada é suficiente para abastecer o carro por 80 km sem a necessidade de conectá-lo a um carregador.

Segundo a Hanergy, em caso de não haver luz solar ou quando o carro elétrico for fazer um passeio mais longo do que 80 km, suas baterias de lítio podem ser carregadas normalmente numa estação de carregamento para carros elétricos. Com a carga completa, os carros podem percorrer uma distância de até 350 km.

Carros elétricos movidos a energia solar são perfeitos para nossas cidades pois mão emitem poluição, serão autossuficientes em energia e seu custo fica infinitamente mais barato do que os antiquados carros movidos a combustíveis fósseis. Quando estiverem disponíveis daqui a 3 anos, talvez esses carros sejam 100% autônomos sem precisar de motorista. Que venha o futuro!

Fonte: Forbes

DEIXE UMA RESPOSTA