Você sabe quem fez as suas roupas? Esta curta-metragem de Ernst Heusser lança luz sobre por que é importante perguntar. “Cada peça de roupa que você compra em uma loja tem uma história por trás dela e a Fashion Revolution está aqui para contar essa história.” Assim começa Roots to Retail (Raízes do Varejo), um curta-metragem sobre moda ética por Ernst Heusser que estreou na Fashion Revolution Day ( 24 de abril) no Bello Studios e no The Biscuit Mill na Cidade do Cabo.

A campanha Fashion Revolution é uma iniciativa global que promove a moda ética, uma causa criada devido as tragédias recentes, como o colapso do edifício da fábrica Rana Plaza em Dhaka, Bangladesh, que matou 1133 trabalhadores e feriu outros milhares em 2013. O evento Fashion Revolution South Africa incluiu uma exposição fotográfica com retratos de 24 defensores locais da moda ética, tais como os designer de tricô Laduma Ngxokolo, Alistair Barnes da Ballo, a editora da ELLE SA Emilie Gambade e Celeste Lee Arendse da Selfi.

O curta Roots to Retail apresenta os fabricantes por trás das marcas de moda locais, como Ballo eyewear, Lalesso e The Joinery que falam sobre o valor de fazer roupas localmente e os benefícios para o consumidor. É bom ter um contato mais  íntimo e conhecer as pessoas que fazem nossas roupas e as fábricas onde eles são produzidas.

Fashion Revolution promove a moda ética com o vídeo Roots to Retail stylo urbano-1

Com o afluxo das marcas globais de fast fashion na África do Sul nos últimos anos, a indústria de design e de moda local teve um enorme prejuízo. Alice Heusser de Lalesso diz que as grandes redes de fast fashion ajudaram a destruir várias marcas de moda e design locais e os meios de subsistência e auto-estima das pessoas empregadas nelas“.

Fashion Revolution promove a moda ética com o vídeo Roots to Retail stylo urbano-2

A Fashion Revolution pretende dar a sua roupa um rosto. “Visamos destacar as histórias das pessoas que estão por trás da fabricação de suas roupas”, diz Natalie Ellis da The Joinery. “É sobre os artesãos, costureiras e modelistas que estão perdendo seus trabalhos.” Como observou Louise Park-Ross da GOOD Clothing : “Um vestido, tantos postos de trabalho.”

Fashion Revolution promove a moda ética com o vídeo Roots to Retail stylo urbano-3

DEIXE UMA RESPOSTA