Uma boa notícia para a equipe que constrói a catedral da Sagrada Família é a de que pesquisadores da Universidade do Sul da Califórnia (USC) estão trabalhando em grandes impressoras 3D robóticas que serão capazes de construir uma casa de dois andares em apenas 20 horas. O impacto dessa máquina será enorme pois constrói de forma super rápida, sem desperdícios, precisa de pouca ou nenhuma mão de obra e diminui consideravelmente os custos da construção o que interfere no preço final da obra.

É estranho que até agora o processo de construção civil não tenham sido modernizado pela fabricação aditiva pois a grande maioria de nossas casas, edifícios e demais obras de infra estrutura continuam a ser feitos com os mesmo processos lentos e dispendiosos em uso há 50 anos.

Mas isso vai mudar através da tecnologia Contour Crafting desenvolvida pelo genial professor Behrokh Khoshnevis da USC. A impressora 3D da Contour Crafting estará disponível comercialmente por US $ 200 mil em dois anos e será capaz de imprimir paredes de concreto, isolamento e até mesmo drywall. Espera-se que sua utilização generalizada na construção de residências e escritórios comece em 2020, e a impressão 3D de edifícios inteiros em 2025. A tecnologia americana está bem à frente da chinesa em termos de progresso e acabamento.

mpressoras 3D robóticas poderão imprimir uma casa de dois andares em 20 Horas stylo urbano

Behrokh Khoshnevis vai entrar para a história como o “Pai da Impressão 3D em Grande Escala“, pois sua “tecnologia de construção por contornos” passou a servir de base para todas as pesquisas em andamento sobre fabricação aditiva na construção civil. A tecnologia se baseia em impressoras 3D móveis de grande escala com pouco peso que podem ser transportadas para o local da construção com bastante facilidade.

A NASA pretende usar essa tecnologia para construir bases em Marte e Lua feitas com o solo do local. A impressora 3D tem dois braços em estilo grua e uma travessa que leva o cabeçote de impressão. A máquina inteira se movimenta ao longo trilhos presos no chão e pode trabalhar em todas as partes da casa ao mesmo tempo. O professor Khoshnevis acredita que a impressora pode construir uma casa de dois andares em apenas um dia.

Para a impressora fazer seu trabalho, o espaço em torno do local precisa ser nivelado com a fundação pronta. Depois que a máquina imprime as paredes, os batentes das janelas e o teto podem ser colocados à mão ou por guindastes. O resto do processo é quase completamente automatizado. Com certeza, a impressão 3D vai possibilitar construir cidades inteiras em pouco tempo e de forma sustentável.

DEIXE UMA RESPOSTA