As linhas de produção rígidas da indústria foram projetadas para fabricar produtos uniformes em larga escala, e os clientes estão cada vez mais em busca de produtos personalizados que eles podem moldar segundo seus gostos pessoais ou receber algo diferente do que o que lhes é oferecido. Como resultado, os fabricantes estão vendo a necessidade de desenvolver produtos personalizados em parceria com os consumidores. Para realizar isso de forma eficaz, sem interromper a produção em massa, os fornecedores precisam aproveitar as ferramentas baseadas em nuvem que lhes permitem criar facilmente produtos personalizados em larga escala.

Os clientes estão mais informados do que nunca pois com o acesso à internet, os clientes têm opções disponíveis para eles 24 horas por dia, 7 dias por semana. Isto significa que chamar a atenção dos clientes está se tornando mais difícil de fazer. Como os clientes estão se tornando menos leais as marcas, os fabricantes devem buscar formas de se diferenciar de seus concorrentes. Uma das maneiras de fazer isso é através da oferta de produtos mais customizáveis.

O  relatório “O futuro da fabricação” publicado em junho de 2017, foi desenvolvido pela PSFK em parceria com a Microsoft, e descreve as principais oportunidades para marcas e organizações reinventarem suas cadeias de fornecimento com as tecnologias disruptivas da Indústria 4.0.

As tecnologias emergentes da indústria 4.0, tais como aplicações de robótica inteligente e internet das coisas, podem se conectar a um servidor de nuvem que os direciona a ações específicas de produção sob medida. Ao implementar versatilidade na linha de produção, os fabricantes podem eliminar as limitações normalmente associadas com linhas de produção em massa. A Internet das coisas pode ajuda os fabricantes a resolver problemas antes que eles aconteçam.

O futuro da fabricação - consumidores poderão criar produtos personalizados em massa stylo urbano

David, o gerente da cadeia de fornecimento de um fabricante de calçados, deve levar em conta as ordens personalizadas criadas pelos clientes no site da marca. A fim de atender às demandas de criação de produtos sob medida, garantindo o mínimo de tempo para sua realização, David deverá ser capaz de gerir um inventário flexível de matérias-primas para lidar com múltiplas variações no design de um sapato, e ao mesmo tempo, garantir que suprimentos suficientes estejam à disposição para apoiar os ciclos de produção tradicionais.

1- Um grupo de clientes envia seus projetos de tênis sob medida usando software de criação digital da marca que lhes permite escolher entre uma variedade de estilos, materiais e cores.

2- Estes projetos personalizados são transmitidas diretamente à fábrica, onde uma plataforma de inteligência artificial gere os pedidos feitos sob encomenda como eles vêm e fornece instruções apropriadas para o equipamento necessário. Graças ao hardware conectado à nuvem, as operações de produção são capazes de produzir perfeitamente criações personalizadas sob demanda, ao lado de suas linhas de produção em massa.

3- Quando estes pedidos de clientes saem da linha de produção, eles são embalados com as etiquetas RFID e enviados para um centro de embalagem. Isso gera um e-mail automático para cada cliente, que inclui um link para ver o estado de sua expedição e uma imagem do produto acabado.

4- Para manter os custos de transporte a um mínimo, um software de logística é usado para rastrear as encomendas personalizadas, garantindo que elas sejam levadas para cargas que estão indo para armazéns de distribuição, e que estão em maior proximidade com o endereço de entrega final.

5- Quando as encomendas entram, um programa de IA acompanha todos os estilos, materiais e opções de cores, comparando-os juntamente com as principais tendências do mundo da moda, esportes e entretenimento para produzir um modelo de dados agregado que prevê que fornecedor estará em alta demanda no futuro próximo.

6- Com um pico antecipado na demanda de camurça azul, a plataforma de inventário de materiais analisa as remessas recebidas, alertando David e sugerindo que ele reveja sua ordem mais recente para evitar a escassez.

7- Estes mesmos dados também são enviados para equipes de P & D da empresa para influenciar os seus projetos de inovação em curso, garantindo que fiquem à frente das tendências de estilo mais populares e capitalizem sobre a demanda do consumidor.

Destacando a oportunidade

Os fabricantes são capazes de oferecer a personalização em massa a um segmento com a flexibilidade oferecida por recursos como a Internet das coisas, aprendizado de máquina e avanços na impressão 3D. Esses recursos estão permitindo novos modelos de negócios rentáveis de ​​customização em massa que não eram possíveis no passado “.

Sanjay Ravi. Diretor Geral de Indústria de Transformação da Microsoft

Os fabricantes esperam que inovações flexíveis em automação irá experimentar de 4% a 10% de crescimento até 2020. A produção industrial tem crescido recentemente em seu ritmo mais rápido em mais de uma década, criando mais valor econômico por dólar gasto do que qualquer outro setor. Um dos fatores desse aumento é a personalização e sua capacidade de rapidamente e eficientemente, produzir o que quiser, quando quiser.

A digitalização de produtos e serviços não só aumenta significativamente a capacidade de responder de forma flexível e mais rapidamente às demandas dos clientes, mas também para antecipar as demandas, ajudando os clientes a chegarem à frente em uma série de tipos de previsões.

Que tendências estão impulsionando essa mudança?

Personalização sob demanda
Logística dinâmica
Linhas de produção multitarefa
Análise preditiva
Cadeia de abastecimento transparente

Clique  aqui  para baixar gratuitamente o relatório completo (em inglês), com insights de especialistas, os principais cenários e tecnologias facilitadoras.

DEIXE UMA RESPOSTA