Um novo conceito de arquitetura verde foi proposta pelo arquiteto holandês Raimond de Hullu MSc, e tem a capacidade de mudar as nossas cidades para sempre. Intitulado de OAS1S, o projeto aspira a ser o primeiro edifício 100% verde. O design dos edifícios da Fundação OAS1S parecem árvores, longas e finas, com andares colocados em cima uns dos outros para maximizar o espaço.

As casas tem fachadas verdes e seriam instalados entre parques residenciais dentro de uma cidade, criando uma comunidade mais integrada com  a natureza e a qualidade de vida. No mundo rápido e turbulento de hoje, estamos constantemente buscando o equilíbrio.

Todo ser humano está se esforçando para encontrar maneiras de obter paz, felicidade e harmonia em suas vidas diárias. Poder viver integrado com a natureza é uma maneira maravilhosa para alcançar esse equilíbrio e compreender as forças de elementos da natureza como a terra, água, ar, fogo e espaço pode ajudar a trazer uma nova perspectiva para a nossa vida.

“Eu cresci na zona rural no sul da Holanda e passei muito tempo na floresta ou na praia. É por isso que eu amo a natureza e quando meu pai começou a construir uma casa, eu me apaixonei pela arquitetura. Eu sempre fui fascinado por ambos e também apaixonado sobre a criação de uma fusão entre as duas coisas. “ explica Raimond de Hullu.

A missão da empresa é trazer a natureza para as cidades de uma forma inovadora e imaginar que essas florestas podem ser construídas nas cidades e seus arredores. Quem não gostaria de viver em uma, ainda mais que pesquisadores do Canadá descobriram que viver perto de um muitas árvores faz você se sentir sete anos mais novo e mais rico?

OAS1S é um conceito de arquitetura verde que tem a capacidade de mudar as nossas cidades para sempre stylo urbano-3

A construção é C2C, que é um sistema chamado eco-sustentável chamado “do berço ao berço“. Isto implica uma abordagem em que há um quadro econômico, industrial e social holístico, que busca criar sistemas que não são só eficientes, mas também essencialmente sem desperdícios. Além desta empresa ter assegurado a utilização de materiais com zero resíduos e conceitos que incluem a madeira, isolamento HQ orgânico, paredes verdes e vidros triplos reciclados.

As instalações técnicas estão fora da rede, o que significa que essas casas são 100% auto-suficiente em termos de fornecimento de energia e água. Para fazer isso, a OAS1S usa painéis solares e caldeiras, sistemas de captação de água da chuva e uma série de outras tecnologias sustentáveis que lhes permitam respirar e funcionam como árvores.

O arquiteto quer provar que uma comunidade respeitadora do meio ambiente pode existir dentro de uma cidade, o que iria transformar estilos de vida dos cidadãos urbanos completamente. A OAS1S quer garantir que esta proposta seja acessível para todos, mas no momento, devido aos custos elevados não é o caso ainda por causa de outros conceitos verdes dentro de casa. (Painéis solares custam caro ainda), mas com o desenvolvimento de novas tecnologias verdes essa casa conceito pode se tornar realidade em pouco tempo.

OAS1S é um conceito de arquitetura verde que tem a capacidade de mudar as nossas cidades para sempre stylo urbano-8

DEIXE UMA RESPOSTA