Vivemos na “Era do Plástico” onde milhões de toneladas desse material, feito de petróleo, é utilizado para fabricar uma infinidade de produtos que são essenciais para a vida moderna. Mas ao mesmo tempo, os produtos de plástico causam uma enorme poluição ambiental quando descartados, e uma quantidade considerável dele está indo parar nos Oceanos causando a contaminação da vida marinha e humana. Como resolver isso?

A marca espanhola Ecoalf lançou sua primeira coleção de roupas e acessórios do projeto “upcycling the oceans” com fios e tecidos a partir dos plásticos retirados do mar Mediterrâneo em parceria com as empresas Antex e Têxtil Santanderina, que desenvolveram uma maneira de reciclar os plásticos deteriorados retirados do mar, junto com garrafas plásticas pós-consumo, transformando tudo em fios para fabricar tecidos. Ambas empresas se uniram em conjunto para criar o fio e os tecidos de poliéster reciclado Seaqual.

Seaqual - O novo tecido de poliéster reciclado feito de plásticos retirados do oceano stylo urbano

A ideia é que a transformação dos plásticos do mar em fios e tecidos cheguem a um mercado mais amplo, não se limitando apenas a Ecoalf. A Antex é responsável por separar e limpar o plástico marinho recolhido do Mediterrâneo por pescadores e transformá-lo em grânulos, que depois são enviados à Têxtil Santanderina para serem transformados no fio e tecidos Seaqual feitos 100% de materiais reciclados, incluindo garrafas de plástico pós-consumo e plástico capturados a partir do mar, contribuindo para a preservação dos recursos naturais e reduzindo os resíduos plásticos nos mares.

A fabricação do Seaqual consome 92% menos água durante o processo de tingimento, 40% menos consumo de energia durante o processo de tingimento e 33% menores emissões de CO2 para a atmosfera. O resultado são tecidos reciclados de rastreabilidade controlada fabricados de forma responsável e cumprindo todas as normas de qualidade internacionais.

E o fio Seaqual será vendido para tecelagens do mundo todo e as marcas de moda poderão comprar a linha de tecidos Seaqual produzidos pela Têxtil Santanderina, uma das tecelagens mais inovadoras do mundo quando se trata de sustentabilidade na moda. A coleção será apresentada oficialmente em fevereiro na Premiere Vision 2017 em Paris.

DEIXE UMA RESPOSTA