A Tailândia tem a ambição de ser a capital da moda na Ásia e apresentou os finalistas de um concurso de arquitetura chamado “BANGKOK I AM FASHION HUB” para eleger um novo centro cultural para a moda, artes e arquitetura. O ambicioso projeto será construído em  Banguecoque, que foi escolhida como a melhor localização para traduzir as idéias da versátil indústria têxtil do país asiático.

Os vencedores da competição de arquitetura promovido pela HMMD chamado Bangkok: I Am Fashion Hub, foram selecionados e vieram da Rússia, Malásia e China. A tarefa era criar idéias para um Fashion Hub em Banguecoque que fosse um espaço público com centro comunitário, biblioteca, teatro, centro de exposições, laboratórios e oficinas, e os participantes do concurso foram desafiados a criar algo único que se destacasse pelo design inovador.

No fim foi a força e a clareza do conceito criado pelo escritório de arquitetura russo TAMMVIS, junto com sua originalidade e viabilidade como um pólo de moda cultural, que mais impressionou os juízes.

O objetivo do Fashion Hub é servir como uma localização central, com todas as facilidades para fornecer educação e experiência para ambos estudantes de moda, bem como os estilistas locais.

O Fashion Hub terá áreas dedicadas a oficinas, laboratórios e instalações para acomodar oradores convidados e programas de intercâmbio com estudantes e designers de todo o mundo. O projeto de arquitetura do edifício tem de inspirar e atrair a atenção nacional e internacional. O edifício deve ser um marco orgulhoso e representar os talentos emergentes de Banguecoque e criar um centro difusor da moda feita no país.

Como a cidade é uma localização central para a moda, o Fashion Hub também servirá como um local de encontro para apresentar e exibir coleções locais e internacionais, na esperança de atrair ambos os designers e investidores de outros países para promover a cidade de Banguecoque como a capital da moda asiática. O Fashion Hub focará em moda, artesanato e design apresentando performances e exposições voltadas para o público em geral.

biff_lobby02

Para funcionar como uma incubadora de novos estilistas, o Fashion Hub deverá promover e cultivar a cena fashion da cidade com espaços para desfiles, laboratórios e loja. O laboratório de moda é o lugar onde as idéias de vanguarda se unem com técnicas tradicionais em estúdios interativos, oficinas e fóruns multi-disciplinares, onde novas idéias nascem e se desenvolvem, para lançar as marcas de moda dos jovens designers do país. Reunindo ateliers e tecnologias digitais sofisticadas, o Fashion Hub visa ajudar no lançamento de marcas e idéias de alta qualidade para o desenvolvimento da indústria da moda da Tailândia.

1365675132_HOME

O desenho vencedor tem a capacidade de convidar a comunidade a entrar dentro do edifício, encorajando os transeuntes a visitá-lo e explorá-lo devido à sua semi-transparência. E, embora o conceito de um “Fashion Hub” poderia ser considerado vago e um pouco subjetivo, realmente permitiu as equipes vencedoras usar sua criatividade.

O projeto vencedor incorporou o uso de tubos de polímero translúcido, a fim de criar uma aparência de semi-transparência.Foi inovadora, poética e se relaciona bem com os diversos programas que têm lugar no interior. “A fachada é impressionante como uma presença etéreo flutuando no terreno.

Ele é limpo e compacto e ao mesmo tempo poético e provocador” concluiu o júri do HMMD. Com um conceito tão amplo como este, os participantes estavam livres para realmente explorar novas idéias e empurrar os limites de sua criatividade. Como tal, os três projetos vencedores são incrivelmente diferentes pelo seu uso do espaço, seu conceito e seu impacto desejado. Veja os 3 projetos ganhadores do concurso aqui.

DEIXE UMA RESPOSTA