Não é nenhum segredo que a fabricante de carros elétricos Tesla tem trabalhado muito no desenvolvimento de automóveis  inteligentes, e o CEO Elon Musk, disse que sua empresa lançará um carro verdadeiramente autônomo até 2018. Além do mais, ele acha que vai ser possível o proprietário chamar o carro através do smartphone ou do smartwatch e ele será capaz de encontrá-lo, mesmo que esteja em outra cidade ou estado.

Elon Musk diz que os proprietários de um carro Tesla serão capazes de usar o “Invocar”, um recurso de auto-estacionamento do carro, para pedir que ele venha ao seu encontro não importa onde esteja. Onde eu vi isso mesmo? No Batmóvel do Batman. Dentro de dois anos, você será capaz de convocar o seu carro em qualquer lugar … e ele poderá chegar até você sozinho”, disse ele. Elon Musk reiterou que “os carros da Tesla deverão se locomover por terra em qualquer lugar, por exemplo, você está em Los Angeles e o carro está em Nova York.” Pelo visto o bilionário americano quer dar uma de Bruce Wayne.

Tesla promete lançar carros elétricos totalmente autônomos em 2018 stylo urbano-1
Pegar no volante ? Nem sonhando, vou curtir um bom filme.

Claro, nem mesmo um carro Tesla vai ser capaz de conduzir por uma distância tão longa com uma única carga de bateria. Elon Musk disse que a empresa vai lançar um carro elétrico capaz de percorrer até 966 Km sem recarregar no próximo ano, mas até mesmo um modelo como esse exigiria uma série de recargas para que possa percorrer distâncias maiores. É aí que entra os tais robôs carregadores articuláveis e auto-suficientes projetados pela empresa. O carro autônomo pára numa estação de robôs carregadores e depois volta para a estrada, sem qualquer assistência humana. É ou não é fantástico?

A CEO da Uber,Travis Kalanick, aposta tanto nessa tecnologia que fez uma proposta de comprar 500 mil carros elétricos autônomos da Tesla até 2020. Não se sabe se a Tesla vai querer fazer uma parceria com a Uber, mas pode acontecer de Elon Musk lançar sua própria empresa de carros autônomos compartilhados. Se isso acontecer, a Uber vai entrar em desvantagem pois vai concorrer com uma empresa que fabrica o carro e ainda disponibiliza um serviço de compartilhamento.

Tesla promete lançar carros elétricos totalmente autônomos em 2018 stylo urbano-2

Parece que o futuro da mobilidade urbana é mesmo os carros autônomos pois várias montadoras estão desenvolvendo seus modelos de automóveis que dirigem sozinhos. Os carros autônomos vão mudar todo o negócio de transporte. Vender um carro para cada pessoa não será mais um modelo de negócio viável, pois para quê ter um carro próprio quando você pode chamar um quando necessitar? O que pesa também são os custos fixos de manter um carro próprio. A questão aqui é se os grandes fabricantes de automóveis vão escolher inovar ou morrer.

A GM parece ter visto a mudança, e decidiu investir US$ 500 milhões na empresa de compartilhamento de carros Lyft. A GM quer fazer parceria com Lyft para criar uma “rede de veículos autônomos compartilhados”, rompendo com o modelo tradicional de venda de carros para os indivíduos. No futuro, os consumidores vão preferir chamar um robô-carro para transportá-los, em vez de cuidar de seus próprios veículos.

Este modelo faz sentido, e o sucesso ou o fracasso dessas empresas será decidida pela rapidez com que podem atender aos clientes em seus deslocamentos nas cidades. A Ford também está se movimentando nessa direção e fez uma parceria com a gigante da tecnologia Google que está desenvolvendo seu próprio carro autônomo. O futuro da mobilidade vai ser muito mais interessante do que é hoje.

Tesla promete lançar carros elétricos totalmente autônomos em 2018 stylo urbano-3

DEIXE UMA RESPOSTA