Começar uma nova marca de moda costuma ser muito difícil, especialmente em termos de conseguir financiamento, visibilidade,  logística de produção e a entrega. Mas isso não é uma preocupação para uma grande loja de departamentos. Há uma razão pela qual sempre encontramos as mesmas marcas estabelecidas em grandes redes de varejo: os jovens estilistas não têm infra-estrutura para atender às demandas dos varejistas, e por isso as lojas de departamento não querem trabalhar com eles para torná-los viável.

Assim, os jovens estilistas não são capazes de ganhar a visibilidade que uma cadeia de lojas de departamento pode oferecer. Para mudar essa realidade, Olivia Kim, a vice-presidente de Projetos Criativos da rede varejista Nordstrom, começou em 2015 um projeto que visa destacar as marcas emergentes chamado Space Lab, e uma das descobertas de Kim foram a icônica Vetements e a vencedora de concurso LVMH, Faustine Steinmetz.

A Nordstrom lançou agora o The Lab, uma incubadora de moda que visa mostrar e apoiar os jovens estilistas que não poderiam ser capazes de satisfazer as demandas de uma loja de departamentos. Eckhaus Latta e Eric Schlösberg de Nova York, A.W.A.K.E. e Dilara Findikoglu de Londres e Vejas de Paris são os primeiros participantes. E cinco novos estilistas serão selecionados em cada temporada.

“No primeiro ano [do lançamento do Space Lab], o que notamos foi que haviam marcas ainda mais jovens e emergentes que eu realmente queria apoiar”, explicou Kim. “Nós podemos realmente investir em cinco marcas de vanguarda que estão em seus estágios iniciais e que não estavam prontas comercialmente para trabalhar com uma loja de departamentos, por isso criamos esse espaço de boutique para desenvolver essas marcas e trazê-las para um público maior”.

O Space Lab é uma ótima plataforma para expor esses jovens estilistas aos milhares de clientes da Nordstrom, tanto na loja quanto online. Olivia Kim é conhecida por identificar e apoiar os estilistas em ascensão quando foi compradora da Opening Ceremony. Na Nordstrom, haverá tags pendurados nas roupas do The Lab que explicam o programa da incubadora, além de uma página no site do Space Lab com as biografias e fotos que contam as histórias dos estilistas.

O The Lab é o mais recente em uma série de casos de empresas maiores lançando incubadoras ou programas de curadoria para dar apoio aos novos talentos da moda. A Lord & Taylor fez parceria com a feira Brand Assembly; A Macy’s lançou uma incubadora; O diretor de moda de Saks, Roopal Patel, está colaborando com jovens estilistas para incentivá-los e a Topshop e ASOS lançaram novas incubadoras de moda.

Olivia Kim explica: “Uma das minhas verdadeiras paixões é descobrir novos talentos e apoiá-los … pois ser um jovem estilista é bem difícil. É muito bom para esses profissionais terem o apoio de uma grande rede varejista que poderá oferecer aos seus clientes algo realmente genuíno e de vanguarda.”

Via: Fashionista

The lab, a nova incubadora de moda da Nordstrom que apoia jovens estilistas stylo urbano

DEIXE UMA RESPOSTA