Apenas a uma década atrás, os designers de alta moda lançavam somente duas coleções por ano: primavera/verão e outono/inverno. Mas nos últimos anos esse número dobrou, se não triplicou: A maioria das marcas de luxo agora lançam coleções Resort e Pre-Fall (que são mais lucrativas), bem como, em alguns casos, coleções cápsula, colaborações especiais e de alta costura. E, de acordo com o New York Times, é tudo por causa de Zara.

As grifes se separaram de um ciclo bianual que já existe a um século na moda, e agora, praticamente metade das empresas de alta moda [Prada e Louis Vuitton, por exemplo] fazem de quatro a seis coleções em vez de duas a cada ano. Isso é absolutamente por causa da Zara.

Não há dúvida de que a Zara aumentou o consumo do fast fashion. A gigante varejista (junto com a internet) treinou os consumidores a esperar um fluxo constante de novos itens, que são cópias das coleções lançadas pelas grandes grifes internacionais e que chegam as lojas da Zara muito antes das coleções originais. Por causa disso, os designers da alta moda começaram a sentir a pressão da Zara e resolveram agir lançando coleções intermediárias.

As coleções Resort e Pre-Fall são a resposta das marcas de luxo à gigante do fast fashion Zara stylo urbano-1

O grupo Inditex criando em 1985 é pioneiro entre as empresas de “fast fashion”, que essencialmente imitam as últimas tendências lançadas pela grifes de moda e acelera suas versões mais baratas para chegarem muito antes nas lojas. Cada uma das marcas da Inditex – Zara, Zara Home, Bershka, Massimo Dutti, Oysho, Stradivarius, Pull & Bear e Uterqüe, seguem o modelo da Zara: produtos de moda baratos, mas vendidos em belas lojas.

Com a rapidez da Zara em lançar com antecedência versões baratas das últimas tendências lançadas nas passarelas pelas grifes, elas tiveram que adicionar mais semanas de moda. Deu agora para entender o desespero que virou os lançamentos anuais de moda por causa do fast fashion? Isso com certeza não é sustentável!

A coleção Resort (também conhecida como Cruzeiro e Alto Verão) e coleção Pre-Fall são as linhas inter-sazonais de prêt-à-porter ou “pronto para vestir”, criadas além das duas principais coleções sazonais de primavera/verão e outono/inverno. As coleções Resort originalmente foram feitas para clientes ricos que saiam de férias em cruzeiros para regiões quentes do Mediterrâneo durante os meses frios do inverno. Elas oferecem roupas leves de primavera/verão, quando o clima no ponto de venda pede roupas de Inverno.

As coleções Resort e Pre-Fall são a resposta das marcas de luxo à gigante do fast fashion Zara stylo urbano-2
Um modelo da coleção Resort 2015 de Mary Katrantzou

Essas coleções são geralmente apresentadas de Maio a Julho e chegam nas lojas em Novembro, após as coleções de outono/inverno (em setembro) e antes da primavera/verão (em fevereiro). Muitas casas de alta moda oferecem coleção Resort, incluindo Chanel, Dior, Gucci, Marc Jacobs, Ralph Lauren. E não só as marcas de moda feminina, mas também etiquetas de roupas masculinas oferecem alguma coleção Resort como por exemplo a Dolce & Gabbana, Giorgio Armani, Prada, Zegna, Etro, Gucci, Burberry e Yves Saint-Laurent.

A coleção Pre-Fall é destinada a ser usada a partir de Agosto/Setembro, quando o clima mais quente está desaparecendo, mas antes que as temperaturas do outono caiam significativamente. O Pre-Fall geralmente aparece nas lojas de Maio/ Junho a Janeiro, assim as coleções são vendidas por um período maior e sempre com o preço total, enquanto as coleções outono/inverno ficam nas lojas por um tempo mais curto para depois serem liquidadas.

As coleções Resort e Pre-Fall são a resposta das marcas de luxo à gigante do fast fashion Zara stylo urbano-3
Um modelo da coleção Pre-Fall 2015 de Mary Katrantzou

As coleções tradicionais são importantes para as marcas, enquanto as coleções pré-sazonais são mais rentáveis. As coleções Pre-Fall correspondem de 60% a 70% da venda de uma marca durante o outono, (de acordo com o Wall Street Journal). Talvez porque elas oferecem muito mais peças de vestuário para a vida cotidiana.

As coleções Resort e Pre-Fall são a resposta das casas de moda para a invasão do fast fashion (H & M, Zara, Topshop, Forever 21, Primark, Gap, Uniqlo, etc). Através delas, as empresas de alta moda podem permanecer relevantes durante todo o ano.

As coleções Resort e Pre-Fall são a resposta das marcas de luxo à gigante do fast fashion Zara stylo urbano-4
Um modelo da coleção Pre-Fall 2015 de Mary Katrantzou

Desde sua primeira coleção de prêt-à-porter que estreou no London Fashion Week na temporada primavera/verão 2009 até 2013, Mary Katrantzou criava duas coleções por ano de primavera/verão e outono/inverno. Em 2014, ela apresentou uma coleção adicional Resort e em 2015 a estilista com 4 lançamentos anuais de Resort, Primavera/Verão, Pre-Fall e Outono/Inverno. Mas será que esse é o futuro da indústria da moda?

As grifes podem oferecer mais do que apenas 2 coleção por ano, porque seus clientes não querem esperar 6 meses para receber as próximas tendências da moda, e isso tudo para se equiparar a loucura desenfreada criada pelo fast fashion.

As coleções Resort e Pre-Fall são a resposta das grifes de moda à gigante do fast fashion Zara stylo urbano-5
Um modelo da coleção Resort 2015 de Mary Katrantzou

DEIXE UMA RESPOSTA