O laboratório criativo com sede em Londres, Bare Conductive foi convidado a juntar-se com os designers Fabio Antinori e Alicja Pytlewska a fim de desenvolver uma instalação interativa têxtil chamada “Contornos” que simplesmente dá “vida” ao tecido através de uma série de sensores capacitivos que são aplicados nos substratos dos tecidos que ficam suspensos, utilizando tinta condutora.

Estes sensores reagem à presença de uma pessoa e rastreiam seus movimentos, e quando se toca o tecido ele emite diversos tipos de sons constantemente modulados criando uma experiência imersiva visual, tátil e auditiva. A estampa com desenhos geométricos abstratos conectam sensores individuais nas tapeçarias para formar painéis gigantes, servindo como um loop de feedback acústico que alude à relação entre ciência e o corpo.

A instalação Dataflags utiliza tinta condutiva sobre papel de gravura Somerset, e quando a superfície da obra de arte é tocada, uma soprano canta o preço da ação do Lehman Brothers, a partir de setembro de 1998, até setembro de 2008, quando a empresa que se pensava “demasiado grandes para falir”, declarou falência.  A obra de arte é uma tomada irônico em uma das tragédias dos nossos tempos.

O que achou da instalação interativa têxtil “Contornos”? Comente.

DEIXE UMA RESPOSTA