Inconformados pelos problemas ambientais críticos que afligem muitas partes da paisagem africana, o fotógrafo Fabrice Monteiro, a figurinista Jah Gal e a organização EcoFund colaboraram em uma série fotográfica surreal para representar visualmente os graves problemas ambientais na África.

O série “The Prophecy”, feita em dez locais no Senegal, apresenta figuras fantasiadas no estilo “Trashion” que interagem com a paisagem poluída circundante. Os trajes construídos meticulosamente  são parcialmente feitos de lixo e detritos encontrados em todo o terreno onde forma feitas as fotos, refletindo a atmosfera e estado em que foi encontrado cada peça da roupa.

Uma das fotografias feitas na baía de Hann dakar mostra os efeitos perturbadores de uma paisagem completamente transformada. O que era anteriormente uma das mais belas praias da África,  agora se tornou um deserto poluído envenenado por excesso de sangue que correr para o mar, a partir de um matadouro nas proximidades.

A fotografia mostra uma criatura medonha com tentáculos emergindo da maré de sujeira, mostrando as potenciais consequências dos danos ambientais.

Série fotográfica com roupas "Trashion" feitas de lixo mostra a poluição do Senegal stylo urbano-1

Outra fotografia feita em Tambacounda apresenta uma figura feminina, fantasiada representando uma árvore, no centro de um incêndio florestal segurando folhagens no ar para protegê-la das chamas. Os incêndios anuais que acontecem em toda a área, servem como fundo para esta imagem, sendo que a maioria deles são causados pelas pessoas, destruindo até 700.000 hectares de floresta e pastos a cada ano.

Série fotográfica com roupas "Trashion" feitas de lixo mostra a poluição do Senegal stylo urbano-2

Uma terceira fotografia chamada Mbeubeuss Sshows uma mulher de tamanho super-humano vestida com restos de plástico, fazendo seu caminho através de uma paisagem de lixo.

O que no passado foi um pântano verde, se tornou o maior depósito de lixo do Senegal e ainda é espaço para uma parte marginalizada da população com suas próprias leis e demandas territoriais, apesar de todas as condições adversas prevalecentes. Olhando essas fotos surreais e tristes, parece que as divindades africanas foram profanadas pela poluição causada pelos humanos. O vídeo abaixo mostra como foi feita a produção e neste link você pode ver toda série de fotos da série “The Prophecy”.

DEIXE UMA RESPOSTA